LÍRICOS OLHARES

LÍRICOS OLHARES

PENSAMENTO DO DIA

"O que verdadeiramente somos é aquilo que o impossível cria em nós." (Clarice Lispector)

Seguidores

REFLEXÃO

"Por mais que se mantêm em consideração as circunstâncias do tempo, do lugar, do gênio do povo, dos seus conhecimentos, de suas inclinações, falham os cálculos, desmoronam-se os edifícios, inutilizam-se os trabalhos e só se colhe o conhecimento de que não se acertou e que o coração do homem é um abismo insondável, e um mistério que se não pode entender". (Frei Caneca)




29 de outubro de 2009

ESPERA (Cacau Loureiro)


Nesta tarde ensolarada de outono
Sento-me em minha cama...
Em meu quarto claro, pensamentos
Voam como o vento fresco que
Fiel segue o sol...

A tarde bate fria em minha alma fechada.
Neste mundo vão, o que as pessoas
verdadeiramente serão nestas
histórias falsamente encantadas?

Sei que a canção que acompanha a
Brisa desfolha e despetala as flores
Do meu aprimorado jardim, cultivado
Com esmero nas estações conturbadas.

Mas, sei que o vento sopra ainda, rude,
Frio e triste na tela da vida colorida.
Amalgamando em nuanças sem par
Este momento aflito do meu peito.

O inverno ainda vem pela frente,
O sol ficará morno e fraco... tão
Tênue, quase morto.
E quando o verão voltar,
Ah! Quando o verão voltar...
Sorrirei de novo!...

Nenhum comentário: