LÍRICOS OLHARES

LÍRICOS OLHARES

PENSAMENTO DO DIA

"À força de tanto ler e imaginar, fui me distanciando da realidade ao ponto de já não poder distinguir em que dimensão vivo" (Dom Quixote)

Seguidores

REFLEXÃO

“Seja qual for o país, capitalista ou socialista, o homem foi em todo o lado arrasado pela tecnologia, alienado do seu próprio trabalho, feito prisioneiro, forçado a um estado de estupidez.” (Simone de Beauvoir)





19 de agosto de 2009

BENFAZEJO


Em teu peito exposto, honrado eu recrio
uma forma de doar-te o meu amor.
No meu coração amplíssimo não
há meios-termos... para ninguém
mais, espaço; somente para ti o meu
chão, as minhas sementes, o meu céu
os meus nobres pensamentos, o meu
sorriso inspirado.
A força que promana de nosso atrativo
sentimento faz-me melhor, forte, mulher,
estrela de outra dimensão. Em tuas mãos,
em tua emoção a propulsão que principias
em mim faz-me querer-te mais e mais...
Assim perto, em mim!
Teus lábios, tua boca, tua língua... tua alegre
cor que em mim guardo de cor em amplo feixe
rutilante que me impacta e deslumbra...
Paliativo tonificante que me restaura o vigor,
as minhas razões, minhas fantasias...
Teu bem-querer proficiente, espargido e
eminente acorda-me, também me faz sonhar
com um futuro tão multicor.
És aquarela meu querido, colorindo frutiferamente
o teu e o meu amor!...

Nenhum comentário: