LÍRICOS OLHARES

LÍRICOS OLHARES

PENSAMENTO DO DIA

"À força de tanto ler e imaginar, fui me distanciando da realidade ao ponto de já não poder distinguir em que dimensão vivo" (Dom Quixote)

Seguidores

REFLEXÃO

“Seja qual for o país, capitalista ou socialista, o homem foi em todo o lado arrasado pela tecnologia, alienado do seu próprio trabalho, feito prisioneiro, forçado a um estado de estupidez.” (Simone de Beauvoir)





28 de outubro de 2009

PARTIDA (Cacau Loureiro)


Percebo ao longe
esse teu rosto fino,
esses traços belos
que com as mãos toquei.

E nessa estrada, a
qual caminhamos,
só vejo a ti a
sumir-se na distância,
só vejo o nada a
envolver o teu ser.

E eu fitando-te
ao sumir de vista,
sou eu deixando-te
sem te deixar ir.

Algo nebuloso embaça-me
as vistas... minha alma
absorve essa poeira da
estrada que cavalgamos,
e surpresa percebo que
fomos nós e não o pó
que ficou a beira do caminho.


Nenhum comentário: