LÍRICOS OLHARES

LÍRICOS OLHARES

PENSAMENTO DO DIA

"À força de tanto ler e imaginar, fui me distanciando da realidade ao ponto de já não poder distinguir em que dimensão vivo" (Dom Quixote)

Seguidores

REFLEXÃO

“Seja qual for o país, capitalista ou socialista, o homem foi em todo o lado arrasado pela tecnologia, alienado do seu próprio trabalho, feito prisioneiro, forçado a um estado de estupidez.” (Simone de Beauvoir)





28 de março de 2011

REGENTE (Cacau Loureiro)


A claridade do teu afeto renova-me,
neste desvairado mundo o teu ameno
espírito em tudo me revigora.
Doce trilha conduz meu corpo em
transcendente escala, há melodias e
tons elevando-me às superiores esferas.
O que de ti promana é dádiva, vasto
encanto, é desmedido éter em que mergulho
músculos e ossos para vivificação.
Transito em tua órbita em regente dileção,
sinfonia cósmica onde o mundo diminuto
dos homens já não mais me importa.
Movem-se estrelas no infinito que por ti
se expande, um ciclo só não basta para
viver os sonhos, para te dizer das coisas
do coração...
A vida passa depressa...
não nos teus olhos...
não nos teus lábios...
não nos teus gestos...
Não no teu corpo que me diz amor...

Nenhum comentário: