LÍRICOS OLHARES

LÍRICOS OLHARES

PENSAMENTO DO DIA

"À força de tanto ler e imaginar, fui me distanciando da realidade ao ponto de já não poder distinguir em que dimensão vivo" (Dom Quixote)

Seguidores

REFLEXÃO

“Seja qual for o país, capitalista ou socialista, o homem foi em todo o lado arrasado pela tecnologia, alienado do seu próprio trabalho, feito prisioneiro, forçado a um estado de estupidez.” (Simone de Beauvoir)





8 de julho de 2011

CIRANDA (Cacau Loureiro)

Criança fico quando permaneço contigo,
verto estrelas aos teus pés...
Ah, esta ciranda de flores!...
Não se prende corações com os grilhões
do mundo, não se mata afinidades com
os punhais do tempo.
O que guardo para ti é o que em mim
tu originas... paixão, maior que eu, maior
que tu, inteiro nós.
Zelo por ti todos os meus dias, pois que
o meu pensamento é constante oração.
Lapido-me em teu espelho porque tu és
candura e paz em meu caminho; reparto
contigo a hóstia consagrada do mais puro
afeto, o ouro perpétuo dos mortais...
Abro-te os meus braços e recebo-te com
alegria em cânticos dos que se embriagaram
de venturas.
Quero em teu ombro descansar...
Cinge-me com tuas mãos a minha
cabeça, purifica-me dos lamentos,
consagra-me em tua dileção, dá-me
o privilégio de aceitares o meu sentimento
supremo... amor!...

2 comentários:

Célia Gil, narciso silvestre disse...

Que lindo poema paea iniciar uma manhã de sábado! Bjs w bom fim de semana!

Adriana Borghi disse...

Adorei.
Você sempre arrasa!

beijinhos.