LÍRICOS OLHARES

LÍRICOS OLHARES

PENSAMENTO DO DIA

"O que verdadeiramente somos é aquilo que o impossível cria em nós." (Clarice Lispector)

Seguidores

REFLEXÃO

"Por mais que se mantêm em consideração as circunstâncias do tempo, do lugar, do gênio do povo, dos seus conhecimentos, de suas inclinações, falham os cálculos, desmoronam-se os edifícios, inutilizam-se os trabalhos e só se colhe o conhecimento de que não se acertou e que o coração do homem é um abismo insondável, e um mistério que se não pode entender". (Frei Caneca)




26 de agosto de 2010

SALMO VIGÉSIMO SEXTO (Cacau Loureiro)

Clamemos ao Deus vivo, porque só o sangue
de seu cordeiro é transformador.
Por isto deito a minha alma em seu sangue redentor
para purificar meu coração desapontado.
Não há refúgio mais seguro do que nos altos
montes do Senhor, não há dossel mais quente
do que nas tendas do Senhor.
O homem que é surdo e cego aos ensinamentos
do Pai, torna suas próprias mãos injustas, o seu
peito abatido, suas palavras venenosas e a sua
alma insensata.
Nas paragens do Senhor eu irrigo minha esperança
e colho minha fé como fruto saboroso jamais na
terra cultivado, porque acima do Eterno, ninguém!
Cresçamos diante do inimigo com a arma poderosa
da pureza, pois que justiça e a paz tornam o homem
laborioso e devotado, porque para o justo não existe
infinda noite nem sofrimento eterno.
Não foge do baraço do Portentoso o que causa malefício
ao probo, porque o homem legitimado perante os céus
é feixe luminoso na luz eterna da verdade.
O que labora na boa seara não cruza os braços diante
da pesada charrua, rasga a leiva sob cânticos de alegria.
O Grande Justo convida-nos à Sua mesa, e por Ele será
saciado em pão e azeite, porque o amor não deverá ser
retido como água estagnada.
No coração de cada filho ele pôs um pequeníssimo grão
de mostarda que nalgum dia romperá com toda força
do Divino. O filho amado, o mestre e irmão quebrará
todas as correntes que aprisionam seus filhos pródigos,
rasgará os livros da humana escravidão, queimará as redes
onde nos tocaiam os inimigos, silenciará das praças as
querelas mentirosas, trará a justiça como uma erupção.
Aguardo com paciência no Senhor, por que somente a Ele
eu prometi o meu destino.
Confio Naquele que aponta do mais alto cume da Terra
as pastagens das ovelhas desgarradas e nos promete a
Sua eterna Salvação. Assim seja!

Um comentário:

"Política sem medo" disse...

Que linda a sua pagina Cacau! E uma honra muito grande para mim ser seguida por voce la no Politica...Virei visita-la sempre que possivel. Abracos, Tereza