LÍRICOS OLHARES

LÍRICOS OLHARES

PENSAMENTO DO DIA

"O que verdadeiramente somos é aquilo que o impossível cria em nós." (Clarice Lispector)

Seguidores

REFLEXÃO

"Por mais que se mantêm em consideração as circunstâncias do tempo, do lugar, do gênio do povo, dos seus conhecimentos, de suas inclinações, falham os cálculos, desmoronam-se os edifícios, inutilizam-se os trabalhos e só se colhe o conhecimento de que não se acertou e que o coração do homem é um abismo insondável, e um mistério que se não pode entender". (Frei Caneca)




1 de abril de 2011

ALUMBRAMENTO (Cacau Loureiro)

Brisa fresca que me trouxe o mais suave

perfume de rara flor cultivada em azeites...

Puro encanto espalhado em gomos, em

pétalas de bem-me-queres.

Branca nuvem a embeber meus olhos de

ternura, meu coração de saudades...

Fresca manhã a despertar-me para a vida,

novedio fruto a esboçar-me novos sabores.

Meu coração abundante está em afeto que

sobeja e esbanja-se para além do que posso

crer, pois que já não mais me pertence.

A fonte do meu maior querer são teus olhos,

a água da minha mais ardente sede está em

teu oásis de lenidade.

Como refrear está força que me impulsiona

aos teus afetos, aos teus cantos de dulçor?

Ah! Estes meus dias radiosos de ti transformaram

o meu riso, estancaram o meu pranto.

O teu nome para mim é sol, deleite, primavera,

alumbramento!...

Um comentário:

Fernando disse...

Curti muito seu blog. Já estou te seguindo... =)