LÍRICOS OLHARES

LÍRICOS OLHARES

PENSAMENTO DO DIA

"À força de tanto ler e imaginar, fui me distanciando da realidade ao ponto de já não poder distinguir em que dimensão vivo" (Dom Quixote)

Seguidores

REFLEXÃO

“Seja qual for o país, capitalista ou socialista, o homem foi em todo o lado arrasado pela tecnologia, alienado do seu próprio trabalho, feito prisioneiro, forçado a um estado de estupidez.” (Simone de Beauvoir)





23 de novembro de 2010

ALADO (Cacau Loureiro)

Há um sol lá fora que segue elevado que ao mesmo
tempo que arde sobre os homens, também arde
dentro de mim...
Ah!...Estes meus humanos rumos vividos em divina
essência no simples fato de tu existires...
Como voar em teu páramo azulado, impermisto,
irretocável em amor?!
Eu traço meu voo cego sabendo onde chegarei, eu levanto
minhas arrojadas asas conhecendo o que saberei...
Nesta história encantada, nada encanta mais que o teu
fado lírico, que a tua alma alada.
Laços profícuos que tomaram meus sentidos todos,
que povoaram meus pensamentos muitos, que afloraram
deleites em minha pele e flores em meu caminho...
Dá-me teu meigo olhar como preciosa joia, tua rara beleza
neste mundo insano para me curar, tua destra forte
neste globo parco em afeto para me maturar.
Teus campos vastos são premissas de um futuro bom que
virá, e eu prometo em tua várzea fértil ser embrião frutífero
a te alimentar em sumo amor, em excelso amar...

3 comentários:

João Victor Araripe disse...

MUITO BOM ! Adorei o seu blog ! Visite o meu blog sobre tênis e retribua o comentário ! : breakpointbrasil.blogspot.com/ - Siga meu blog, que eu sigo o seu de volta ! Também tenho twitter @breakpointbr, caso queria seguir.

Obrigado !

José María Souza Costa disse...

Belissimo o seu post.

Sandra Cajado disse...

Querida ficaria muito feliz se você aceitasse postar uma poesia sua no Portal Arte & Cultura!

www.sandracajado.com.br

Beijos!!!!