LÍRICOS OLHARES

LÍRICOS OLHARES

PENSAMENTO DO DIA

"À força de tanto ler e imaginar, fui me distanciando da realidade ao ponto de já não poder distinguir em que dimensão vivo" (Dom Quixote)

Seguidores

REFLEXÃO

“Seja qual for o país, capitalista ou socialista, o homem foi em todo o lado arrasado pela tecnologia, alienado do seu próprio trabalho, feito prisioneiro, forçado a um estado de estupidez.” (Simone de Beauvoir)





22 de julho de 2013

VITAL (Cacau Loureiro)


Agitam-se as altas esferas,
diminutas partículas de luz
espraiam-se sobre a Terra...
O ir e vir do princípio vital
impulsiona o entusiasmo
entre os seres.
No orbe celeste a preparação
dos fluidos do bem desanuvia
as mentes dos aflitos, encorajam
os espíritos sofridos.
A paz é a verdadeira terra prometida,
e o amor a sementeira da infinita
bondade.
Cinzelando o Homem engendramos
o caminho da regeneração.
A autêntica liberdade é olhar o
outro como irmão.
O sal da terra, o suor e as lágrimas
são imperativos da alma, contínuo
movimento para a interior edificação.
O trabalho nos espera e soergue-nos
em seara que não tem senhores,
pois que senhor de si mesmo é
aquele que se eleva em saber dar
e purifica-se em receber.

2 comentários:

Rosemildo Sales Furtado disse...

É aquela história de fazer o bem, sem olhar a quem. Belo e profundo texto minha amiga.

Abraços e um ótimo final de semana pra ti e para os teus.

Furtado.

António Jesus Batalha disse...

Ao passar pela net encontrei seu blog, estive a ver e ler alguma postagens
é um bom blog, daqueles que gostamos de visitar, e ficar mais um pouco.
Eu também tenho um blog, Peregrino E servo, se desejar fazer uma visita
Ficarei radiante,mas se desejar seguir, saiba que sempre retribuo seguido
também o seu blog. Deixo os meus cumprimentos e saudações.
Sou António Batalha.